.

.

.

.

.

.

santa rosa

Canoísta baiano Isaquias Queiroz é esperança de três medalhas no Rio

|

O baiano Isaquias Queiroz vai fazer história se conseguir medalha
nas três provas que vai disputar no Rio.

Três medalhas em uma única edição dos Jogos Olímpicos. Nenhum brasileiro conseguiu esse feito até hoje, mas o tabu poderá ser quebrado por um baiano no Rio-2016. Aposta verde e amarela no maior evento esportivo do planeta, Isaquias Queiroz vai disputar três provas de canoagem velocidade, duas individuais (C1 1.000m e C1 200m) e uma em dupla (C2 1.000m) com o também baiano Erlon Souza. 

Isaquias vai deslizar na Lagoa Rodrigo de Freitas a partir de hoje, às 9h08, quando disputa a eliminatória do C1 1.000m. “Me sinto bastante confiante e com muita vontade de competir em busca do meu melhor resultado na minha primeira Olimpíada e, principalmente, dentro do meu país”, afirma. 

Se tudo der certo, ele estará na final amanhã, no mesmo horário. Tamanha confiança é fruto dos resultados colhidos nos últimos anos. Isaquias vem se apresentando como um fenômeno. Em 2015 ele pendurou sete medalhas no pescoço (quatro de ouro, duas de prata e uma de bronze) conquistadas na Copa do Mundo, nos Jogos Pan-Americanos de Toronto e no Mundial. O estreante em Olimpíada tem 22 anos e nasceu em Ubaitaba, no Sul da Bahia, onde começou a praticar o esporte, aos 11 anos. Isaquias não vai a sua cidade natal desde maio.

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting