.

.

.

.

.

.

santa rosa

Isaquias Queiroz leva o bronze e chega a sua 2ª medalha olímpica

|

Com força e raça, Isaquias conseguiu tirar diferença na reta final - Foto: Damir Sagolj | Agência Reuters

O baiano Isaquias Queiroz conquistou mais uma medalha para o Brasil nesta quinta-feira, 18, na canoagem de velocidade. Prata na prova de C1-1000m, o brasileiro agora ficou em terceiro lugar na final da C1-200m. A expectativa era que o ubaitabense conquistasse o ouro, já que ele fez a marca de 39s659 na semifinal, quebrando o recorde olímpico da modalidade. 

Mas o baiano não fez uma boa largada e não teve uma boa prova. Mas conseguiu arrancar o terceiro lugar na reta final. O resultado ainda chegou a ser dúvida e Isaquias demonstrou irritação com o seu desempenho.

Mas após confirmação oficial da organização da prova, o brasileiro comemorou o bronze, que é mais um feito histórico na canoagem brasileira. Isaquias já tinha conquistado a primeira medalha do esporte para o Brasil. A C1-200m é um desafio para o brasileiro, que não é especialista nessa prova, que é considerada curta, então precisa de uma boa largada. Isaquias costuma ser mais lento nos primeiros 50m e crescer nos 150 restante.

O canoísta ainda vai disputar mais uma medalha no C2-1000m, ao lado do também baiano Erlon Silva, de Ubatã. Isaquias quer conquistar mais essa medalha para se tornar o primeiro brasileiro a subir três vezes no pódio em uma mesma edição de Olimpíada. (A Tarde) 

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting