.

.

.

.

.

.

Andrade Gutierrez admite formação de cartel em obras de estádios Copa do Mundo

|


Em um novo acordo de leniência, a empreiteira Andrade Gutierrez admitiu a existência de um cartel na construção de estádios da Copa do Mundo de 2014. No acerto feito com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), a empresa indica que houve irregularidades na contratação de construtoras de pelo menos cinco praças esportivas, incluindo a Arena Pernambuco e o Maracanã. Os signatários do acordo indicam o procedimento licitatório da Fonte Nova, da Arena Castelão (Fortaleza) e da Arena das Dunas (Natal) "também podem ter sido objeto da conduta irregular". No entanto, os signatários ressaltam que não participaram diretamente da concorrência. No caso da Fonte Nova, a Andrade Gutierrez não participou da construção do estádio. Este acordo de leniência, firmado em outubro deste ano, foi o sétimo publicado pelo Cade no âmbito da Operação Lava Jato e do terceiro firmado com a Andrade Gutierrez. Executivos e ex-executivos da empresa também integram o acordo. (Bahia Notícias) 

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting