.

.

.

.

.

.

santa rosa

Vício em WhatsApp e Facebook aumenta chance de divórcio

|

A cena é comum e cada vez mais frequente: um casal está em um mesmo ambiente - um restaurante ou um sofá-, próximos, mas um deles não presta atenção no parceiro, está com a cabeça baixa, com os olhos e as mãos dirigidos à tela de um celular. A outra parte tenta puxar assunto, manter o contato visual, mas não tem resposta. 

E o que se segue, naquele momento ou em outro mais adiante, é uma discussão que desgasta a relação e pode levar até mesmo ao rompimento do casal. É o que mostra uma pesquisa recentemente divulgada e que conclui que quanto mais interação no WhatsApp ou no Facebook uma pessoa tem, maior é a chance de que essa pessoa acabe com seu casamento ou namoro. 

O estudo foi conduzido pelo professor James A. Roberts, da Universidade de Baylor, nos Estados Unidos, e reportado ontem pelo site espanhol do jornal El País. A pesquisa concluiu que 46.3% dos 453 adultos entrevistados já haviam sido ignorados ao menos um vez pelos seus companheiros e 22,6% declararam que a prática de ignorar o parceiro ao lado para interagir com o celular é fonte de conflito para o casal.

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting