.

.

.

.

.

santa rosa

Dono da JBS gravou Aécio pedindo R$ 2 milhões para defesa na Lava Jato, diz jornal

|

Resultado de imagem para Aécio Neves preocupado
O dono da empresa JBS, Joesley Batista, gravou o senador Aécio Neves (PSDB-MG) pedindo R$ 2 milhões ao empresário. De acordo com informações divulgadas pelo jornal O Globo nesta quarta-feira (17), o parlamentar alegou que precisava do dinheiro para pagar despesas com sua defesa na Operação Lava Jato. O diálogo entre Aécio e Joesley aconteceu em março, na cidade de São Paulo. O empresário sugeriu que o dinheiro fosse passado entre os dois, de forma pessoal, mas o senador respondeu propondo que outra pessoa ficasse responsável pelo repasse. "Tem que ser um que a gente mata ele antes de fazer delação. Vai ser o Fred com um cara seu. Vamos combinar o Fred com um cara seu porque ele sai de lá e vai no cara. E você vai me dar uma ajuda do caralho", declarou Aécio na gravação, em referência ao seu primo, Frederico Pacheco de Medeiros. A Polícia Federal teria filmado a entrega do dinheiro ao primo do senador e descobriu que eles foram depositados numa empresa do senador Zeze Perrella (PSDB-MG). Ainda de acordo com o jornal O Globo, as negociações para a delação premiada dos donos da JBS teve início em março e os depoimentos foram tomados entre abril e maio. Bahia Notícias

0 comentários:

Postar um comentário

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting