.

.

.

.

.

.

santa rosa

Ilhéus: Presos por suspeita de fraude em licitações são ouvidos em audiência

|

Jamil Ocké (à esquerda) junto com Kácio Clay (à direita), estão presos em Ilhéus  (Foto: Imagem/TV Globo)
Jamil Ocké junto com Kácio Clay (à direita) (Foto: Imagem/TV Globo)
O ex-secretário de Desenvolvimento Social e vereador mais votado em Ilhéus, no sul da Bahia, Jamil Chagouri Ocké, o ex-secretário da mesma pasta, Kácio Clay Silva Brandão, e o empresário Enoch Andrade, presos durante uma operação que investigou desvio de recursos públicos da prefeitura da cidade, voltaram a ser ouvidos pela Justiça em audiência realizada nesta segunda-feira (12).
Os suspeitos foram alvo da Operação Citrus, deflagrada em março deste ano - na ocasião, seis foram levados pela Polícia Civil, e três deles continuam presos.

A audiência, onde também foram ouvidas testemunhas, ocorreu na 1ª Vara Crime do Fórum Epaminondas Berbet de Castro. Os suspeitos chegaram ao local em um carro, por volta das 9h, uma hora antes do início da audiência.
Os jornalistas não puderam acompanhar os depoimentos. A informação foi de que 20 testemunhas foram solicitadas pela defesa, mas nove delas dispensadas. O motivo não foi informado.

O Ministério Público e a defesa dos suspeitos juntaram mais de mil páginas ao processo com novos elementos sobre a acusação de desvio de recursos da prefeitura. Somente depois de ouvir as testemunhas é que a juiza do caso começou a ouvir os réus.
Além dos três que foram presos, outros cinco suspeitos que respondem em liberdade pelos mesmos crimes também vão prestar esclarecimentos. Os advogados disseram que somente depois da audiência vão se pronunciar. (G1 Bahia)

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting