.

.

.

.

.

.

Dirigente do Movimento Sem Terra é morto a tiros na frente do filho de 6 anos em propriedade rural na Bahia

|

Márcio Matos Oliveira tinha 33 anos (Foto: Reprodução/Facebook)
Márcio Matos Oliveira tinha 33 anos (Foto: Reprodução/Facebook)
Um dirigente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), e integrante do Partido dos Trabalhadores (PT), foi morto a tiros na noite de quarta-feira (24) na propriedade rural em que ele morava, na cidade de Iramaia, sudoeste da Bahia. O governador do estado, Rui Costa (PT), disse nas redes sociais que determinou à Secretaria de Segurança Pública "a imediata e rigorosa apuração do crime".

De acordo com a Polícia Civil, Márcio Matos Oliveira, de 33 anos, foi assassinado na frente do filho de 6 anos. Não há detalhes sobre as circunstâncias do crime, nem sobre autoria e motivação.
A polícia investiga e já descartou a hipótese de latrocínio, porque nada foi levado da casa da vítima. Uma equipe da coordenadoria da Polícia Civil de Jequié acompanha as investigações.

O corpo foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Jequié. Por meio das redes sociais, o governador Rui Costa lamentou a morte de Márcio Matos.“Lamento a morte de Márcio Oliveira Matos, mais conhecido como Marcio do MST..." (G1)

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting