.

.

.

.

.

.

.

.

Trump defende pena de morte para traficantes como parte de plano de combate às drogas

|

Trump anuncia seu plano sobre combate às drogas nesta segunda-feira (19) em Manchester, New Hampshire (Foto: Jonathan Ernst/Reuters)
Trump defende pena de morte para traficantes de drogas
O presidente americano Donald Trump revelou nesta segunda-feira (19) um plano de combate às drogas que prevê penas mais duras aos traficantes, incluindo a pena de morte aos traficantes que entrarem nos Estados Unidos com grandes quantidades de drogas. O plano inclui os seguintes objetivos: Cortar o fluxo de drogas com o muro na fronteira com o México, implementar a pena de morte para traficantes que entrarem nos EUA com grandes quantidades de ópio, restringir a venda de remédios à base de ópio, ajudar dependentes financiando tratamento e incentivando dependentes a encontrar empregos.

"Os traficantes de drogas matam milhares de nossos cidadãos a cada ano. É por isso que o Departamento de Justiça buscará penalidades mais duras do que as que já tivemos", disse Trump em discurso no estado de New Hampshire. "Outros países não brincam... A pena mais alta tem que ser a pena de morte", acrescentou.

Não está claro se a pena de morte para traficantes entrará na Constituição. Os crimes relacionados com drogas nos EUA são julgados atualmente de acordo com uma lei de sentenças mínimas de 1986, que estabelece penas de até 20 anos de prisão para pequenos traficantes de drogas, e reserva a prisão perpétua para casos especialmente graves. “Isso é sobre vencer um problema muito, muito duro e se não formos muitos duros com esses traficantes isso não vai acontecer... Quero vencer essa batalha”, disse. *Informações do G1

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting