.

.

.

.

.

.

Lula no Brasil, Park na Coreia do Sul e Zuma na África: o dia que marca a derrocada de 3 ex-líderes mundiais

|

Jacob Zuma, Lula e Park Geun-hye: acusados por corrupção, os três líderes mundiais enfrentam dia-chave

Jacob Zuma, Lula e Park Geun-hye: acusados por corrupção, 

os três líderes mundiais enfrentam dia-chave

Esta sexta-feira é um dia-chave, e histórico, não só para o ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva, mas também para outros dois ex-líderes mundiais, todos eles acusados de corrupção. No mesmo dia em que vence o prazo para o petista se apresentar à Polícia Federal em Curitiba para ser preso, a Coreia do Sul condenou a ex-presidente Park Geun-hye e a África do Sul levou a um tribunal Jacob Zuma, que até fevereiro governava o país. Os três negam as acusações que pesam contra eles e afirmam que são vítimas de perseguição política.

Park Geun-hye, a primeira mulher a comandar a Coreia do Sul, foi condenada nesta sexta-feira a 24 anos de prisão e a pagar uma multa equivalente a US$ 17 milhões (R$ 56 milhões) por abuso de poder e coerção. A Procuradoria havia pedido uma pena maior: 30 anos de prisão e pagamento de US$ 127,1 milhões.

Na África do Sul, ex-presidente Jacob Zuma, que renunciou ao cargo em fevereiro deste ano, compareceu no Supremo Tribunal de Durban na manhã desta sexta-feira para responder a acusações de corrupção contra ele – momento que vem sendo classificado como "extremamente simbólico" para a jovem democracia do país.

Ele está sendo processado por suspeitas envolvendo um contrato para aquisição de armas firmado nos anos 1990, quando era vice-presidente. (R7)

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting