.

.

.

.

.

.

Homem acusado de matar e enterrar a ex-mulher no quintal de casa é condenado a 19 anos de prisão

|

Jeferson confessou o crime e cavou novamente a cova para retirada do corpo da vítima (Foto: Polícia Civil/ Divulgação)
O crime ocorreu no município de Ilhéus, no ano passado (Foto: Divulgação)
O homem de 46 anos acusado de matar a ex-mulher a facadas e depois enterrar o corpo dela com concreto no quintal da casa onde moravam foi condenado a 19 anos de prisão, na manhã desta segunda-feira (20), de acordo com o Tribunal de Justiça (TJ-BA). O crime ocorreu no município de Ilhéus, no sul da Bahia no ano passado.

O caso cabe recurso. Segundo o TJ, a defesa de Jeferson Amaral de Carvalho pediu a redução da pena. A acusação, no entanto, solicitou o aumento da pena do réu. O juiz recebeu os recursos e as partes apresentarão as razões de apelação para que o processo seja encaminhado novamente ao Tribunal de Justiça.

Conforme a Jutiça, Jeferson foi condenado a 16 anos de prisão pelo homicídio e mais três anos pela ocultação do cadáver de Sandra Oliveira, que tinha 43 anos. A pena será cumprida em regime fechado. O reú está preso desde o crime foi descoberto pela polícia.

Jeferson Amaral de Carvalho foi preso após a Polícia Militar ser acionada por vizinhos que ouviram gritos e viram o suspeito cavar o buraco onde jogou o corpo da ex-mulher, nos fundos da casa. O crime aconteceu no dia 28 de janeiro de 2017. Ele foi preso dois dias depois. Informações do G1

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting