.

.

.

.

.

.

Abaixo-assinado contra reajuste de ministros do STF chega a 2,5 milhões de assinaturas

|

Abaixo-assinado contra reajuste de ministros do STF chega a 2,5 milhões de assinaturas
Chegou neste domingo (11) a 2,5 milhões o número de assinaturas em um abaixo-assinado online contra o reajuste de 16,38% no salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

A campanha foi criada pelo partido Novo para pressionar o presidente Michel Temer a vetar a medida, aprovada pelo Senado no último dia 7 de novembro (veja aqui). Caso o emedebista sancione a lei, o salário dos magistrados sai dos atuais R$ 33.763 para R$ 39.293 mensais.

O reajuste provoca efeito cascata nas contas públicas porque o vencimento dos ministros do STF é o valor de referência para o teto salarial do funcionalismo público. Segundo o relator do projeto, o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), o impacto nas finanças do governo pode chegar a R$ 6 bilhões por ano. A meta do Novo é atingir 3 milhões de assinaturas com a campanha.(Bahia Notícias)

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting