.

.

.

.

.

.

Corpo de jovem morta pelo marido em cadeia de SP é sepultado

|

O corpo da jovem de 22 anos que foi morta pelo marido em uma unidade prisional de Jundiaí, no interior de São Paulo, foi sepultado no cemitério municipal de Bragança Paulista nesta terça-feira (29). Nicolly Guimarães Sapucci fazia uma visita íntima a Michael Denis Freitas, de 25 anos, quando foi agredida por ele e acabou morrendo. As informações são do G1.

Nicolly morava em Bragança Paulista. Ela saiu de casa na manhã de domingo para visitar Michael, que cumpre pena por roubo no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Jundiaí. Durante a visita íntima, os dois brigaram e Michael atacou a mulher com murros e chutes. Ela caiu da beliche e continuou a ser agredida.

O crime só foi notado no final do período de visitação. Durante a contagem dos visitantes, a administração notou que uma pessoa estava faltando. Foi feita uma busca nas celas e Nicolly foi encontrada desmaiada. Com afundamento de crânio, ela recebeu socorro, mas acabou morrendo. A jovem deixou um filho de 4 anos, fruto de outra relação.

Segundo familiares, Nicolly e Michael estavam juntos há dois anos - metade deste tempo, ele estava preso por conta de um roubo. Não havia denúncias de violência contra mulher no nome dele. Nas redes sociais, a vítima sempre fazia declarações para o marido. Michael afirmou em depoimento que a briga começou por conta de ciúmes que Nicolly sentia de uma ex-namorada dele. Ele vai responder por feminicídio. Informações do CORREIO

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting