.

.

.

.

Justiça determina prisão de dez dos 11 vereadores em cidade no TO

|

Resultado de imagem para vereadores da Augustinópolis, cidade no norte do Estado e a 145 km de Palmas,
A Justiça do Tocantins determinou nesta sexta-feira (25) a prisão de dez dos 11 vereadores da Augustinópolis, cidade no norte do Estado e a 145 km de Palmas, por um esquema de corrupção dentro da Câmara Municipal. Até o momento, sete vereadores foram presos e três estão foragidos. A operação batizada de Perfídia, que está sendo realizada pela Polícia Civil e Ministério Público, investiga a cobrança de propina para aprovar projetos de lei enviados pela prefeitura da cidade. Ao todo, foram expedidos 14 mandados de busca e apreensão, dez de prisão temporária e três de condução para depoimento.
Segundo o delegado Jacson Wutke, as investigações apontam que os vereadores cobravam altos valores mensais do prefeito em troca das aprovações. “Existem áudios que mostram em detalhes como funcionava o esquema. Eles chateavam o prefeito em troca da aprovação de pautas importantes para a comunidade”, explica o delegado.

Após buscas e apreensões na prefeitura, Câmara Municipal, residência dos investigados, sete vereadores foram afastados de suas funções por 180 dias e presos temporariamente. Outros três estão foragidos. *Com informações do R7

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting