.

.

.

.

.

.

Itabuna: Três diretores e advogado de Hospital de Base são afastados durante operação

|

Itabuna: Três diretores e advogado de Hospital de Base são afastados durante operação
Três diretores e um advogado do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães de Itabuna, no sul baiano, foram afastados das funções. O fato ocorreu dentro da “Operação na Veia”, deflagrado pelo Ministério Público do Estado (MP-BA). Além do afastamento das pessoas, a operação cumpriu três mandados de busca e apreensão. O MP-BA apura irregularidades na prestação de serviços médicos na unidade de saúde.

Segundo os promotores de Justiça Susila Ribeiro, Inocêncio Carvalho, Fabrício Guida e Frank Ferrari, que estão à frente da ação, os pedidos de busca e apreensão e de afastamento foram solicitados contra Eudes Silva Pinto, Karla Rocha de Macedo Meneses, Silvio Marcos Ramos Costa e Renata Del Rey, visando o afastamento dos cargos e a suspensão de contrato dos investigados.

Conforme o juiz Murilo Luiz Staut Barreto, que deferiu os pedidos do MP, o afastamento dos cargos deve durar até quando as investigações ocorrerem. Os investigados estão proibidos de frequentar o Hospital de Base e a Maternidade Ester Gomes. O juiz também determinou a suspensão dos contratos celebrados entre os hospitais e a empresa jurídica TJ Alves dos Santos Serviços Médicos. O afatamento ocorreu na última sexta-feira (22). (Bahia Notícias)

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting