.

.

.

.

Polícia prende 5 dos 9 vereadores de Araguapaz por suposto esquema de propina de R$ 500 mil

|

Imagem relacionada
Uma operação da Polícia Civil prendeu 5 dos 9 vereadores de Araguapaz nesta terça-feira (17). Segundo as investigações, eles são suspeitos de cobrar propina para não votar pelo impeachment da ex-prefeita da cidade, Márcia Bernardino de Souza. A negociação que chegou a R$ 500 mil e teria sido organizada pelo secretário de Obras do município, que também foi preso.

O outro homem preso é Paulo Sérgio Ferreira Nunes, secretário de obras do município. Além dos vereadores presos, o presidente da Câmara do Município, Célio Ferreira Nunes, também teve a prisão decretada, mas segue em liberdade porque se recupera de uma cirurgia. O marido da ex-prefeita, José Segundo Rezende Júnior, que já foi prefeito da cidade, também é investigado, segundo a polícia.

Segundo a polícia, a denúncia é de que os vereadores teriam exigido dinheiro à ex-prefeita da cidade, para votar contra dois processos que a afastaria do cargo. A denúncia de extorsão, segundo consta da investigação, teria partido do ex-prefeito do município e marido da então prefeita. Com informações do G1

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting