.

.

.

.

Casal barrochense tenta dar calote em posto, mas acaba preso; eles confessaram ter assaltado outro estabelecimento

|


Patos de Minas (MG) – Um casal suspeito de participar de um roubo, na cidade de Guimarania (MG), foi preso na tarde desta quinta-feira (14-11), pela Polícia Militar, após sair sem pagar um abastecimento em um posto na BR-365, em Patos de Minas. Além do casal, outro indivíduo que participou do roubo foi preso na cidade Santa Juliana, juntamente com a arma utilizada na ação.

A Polícia Militar foi acionada a comparecer no posto de combustível na BR-365, em Patos de Minas, depois que o casal Mariana Gomes de Castro, 22 anos, e Luan Gomes Couto de Carvalho, 27 anos, abastecer o carro Fiat Pálio de cor branca e sair sem pagar.

Segundo o frentista, o casal chegou e abasteceu a quantia de R$ 140,00. Depois de ser questionado a forma de pagamento, o motorista disse para o frentista: “Perdeu, perdeu”. Depois acelerou o carro e fugiu em direção a cidade de Varjão de Minas.

Durante o rastreamento, a Polícia Militar conseguiu abordar o carro no distrito de JK, município de Luislândia do Oeste. Dentro do carro os militares encontraram uma cápsula calibre 380 deflagrada.

Ao ser questionada a origem da cápsula, o casal acabou confessando a participação em um roubo a outro posto de combustível na cidade de Guimarania no dia anterior. Na oportunidade, o casal também confessou a participação de outro indivíduo de nome Evair Santos Lima. O casal disse ainda que Evair é o proprietário da arma e que durante o roubo na cidade de Guimarania, ele realizou um disparo para o alto, tendo a cápsula caído dentro do carro.

Sobre o paradeiro de Evair, o casal falou que ele ficou na cidade de Santa Juliana. Imediatamente, a Policia Militar entrou em contato com a Polícia de Santa Juliana onde conseguiram localizar e prender o suspeito Evair de posse de uma pistola calibre 380.*Fonte: Clube Notícia/MG

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting