.

.

Câmara de Vereadores aprova impeachment do prefeito de Madre de Deus

|

Câmara de Vereadores aprova impeachment do prefeito de Madre de Deus
Foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Madre de Deus o pedido de impeachment do prefeito Jeferson Andrade (PP). Afastado da gestão desde o fim de abril por acusações de irregularidades na obra do Parque Industrial, o alcaide sofreu uma derrota no Legislativo municipal por nove votos e teve os direitos políticos suspensos por oito anos.

A prefeitura estará agora sob a administração do seu companheiro de chapa, o vice-prefeito Jailton Polícia (PTB), que deve se manter no cargo até o final do mandato.

O afastamento de Jefferson Andrade foi solicitado pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) por meio de uma Ação Civil Pública de Improbidade Administrativa e executado pela 6ª Vara da Fazenda Pública de Salvador, órgão vinculado ao Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Ele ainda é investigado por formação de quadrilha pela 7ª Vara.

Além do prefeito, também estão sendo investigados o secretário de infraestrutura, João Gustavo de Cerqueira Lima Márcio Garrido Gonçalves Braga; o assessor técnico de coordenação de obras, José Carlos Barreto da Silva; e o presidente da comissão de licitação, Celestino Souza Filho.

De acordo com a decisão, assinada pelo juiz Rui Eduardo Almeida Britt, a prefeitura investiu R$2,7 milhões, mas reincidiu o contrato com a construtora logo em seguida, alegando agravamento econômico. As obras de pavimentação asfáltica e drenagem que deveriam ter ficado prontas no prazo de 10 meses, não foram concluídas. Segundo o juiz, o valor da obras também foi superfaturado. (Bahia Notícias)

 

©2011 NOTÍCIAS DE UBATÃ ::: Conectado com Você !!! | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Ubatahosting